0 Flares Filament.io 0 Flares ×

ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL

Benefícios do Ghee
para a saúde

Conheça as propriedades da manteiga clarificada
recomendada pelo Ayurveda

 

 

Jacqueline Guerra, naturóloga, coach de Saúde e Bem-Estar e jornalista

3 de Maio de 2018

O Ghee é um superalimento considerado tônico da saúde e apreciado na Índia há milênios.  Ele facilita a digestão, tem efeito desintoxicante, fornece energia vital e nutrientes benéficos para o cérebro e para o sistema nervoso, entre outras propriedades.

Como o ghee é feito? O processo de clarificar a manteiga consiste em fervê-la em uma panela e, assim, separar as gorduras do leite, água e outras impurezas. Ao ser filtrado, 99% da lactose e da caseína são removidas resultando em um óleo medicinal com a melhor parte da manteiga concentrada que se solidifica em temperatura ambiente. Torna-se assim uma boa opção para quem tem alergias alimentares e intolerância à lactose, proteína do leite.

Na Naturologia, a orientação alimentar é um dos recursos utilizados no tratamento. A Trofoterapia se baseia no poder terapêutico dos alimentos, assim como a Nutrição Ayurvédica e a Dietoterapia Chinesa. No Ayurveda, medicina tradicional indiana, o ghee é considerado um dos alimentos mais satvicos, ou seja, promove positividade, crescimento e expansão da consciência.

Com sabor delicioso, ele pode ser consumido para acompanhar outros alimentos ou como óleo para cozinhar. Por ser uma gordura saturada, é menos propenso à oxidação durante o cozimento. Também pode ser preparado com a adição de diferentes ervas para efeitos medicinais. Por apresentar propriedades untuosas e penetrantes, ao ser misturado com as ervas, ele age como um veículo que leva as substâncias e nutre os sete tecidos do corpo, conhecidos como dathus no Ayurveda.

É importante comprar o ghee orgânico produzido a partir de vacas criadas por métodos tradicionais (alimentadas com capim e pastagens em vez de rações), para garantir que o alimento não seja alterado com substâncias artificiais, hormônios e antibióticos, que ocorre geralmente na “produção industrial” de leite.

“O Ayruveda ensina que os alimentos sáttvicos são abundantes em prana e ojas, forças vitais universais, e têm uma natureza harmoniosa e pacífica. Ojas está relacionado com a vitalidade, imunidade e rejuvenescimento e promove a força física, clareza mental, boa saúde e longevidade”.

 

Conheça 6 benefícios de introduzi-lo na sua alimentação:

1 – Rico em Ojas: aumenta a força vital e rejuvenesce a Mente, o Corpo e o Espírito

De acordo com o Ayurveda, o ghee fornece ojas, que pode ser traduzido como “vitalidade” ou “força vital” ao corpo e mente. Na filosofia ayurvédica, ojas é uma energia vital primordial que nos que mantêm vivos e saudáveis, que pode ser exaurida pela idade, estresse, má alimentação, excesso sexual, toxinas e outros fatores.

Na Medicina Chinesa, baseada na filosofia taoísta, a energia Jing, semelhante em muitos aspectos ao ojas, é o aspecto mais profundo e fundamental de nossa energia que governa os processos graduais de desenvolvimento e envelhecimento. O ghee pode ser classificado como um alimento para melhorar o Jing, o que significa que ele nutre, nos níveis mais fundamentais, o corpo, a mente e o espírito.

2 – Efeito desintoxicante

No Ayurveda, o ghee tem sido tradicionalmente usado como um agente desintoxicante nos níveis físico e emocional pois tem um efeito lipofílico sobre outros ácidos graxos e toxinas gordurosas no corpo, agindo como um agente quelante que extrai as toxinas lipossolúveis do corpo.

Ghee também lubrifica o corpo e os intestinos, ajudando em casos de constipação ao promover movimentos intestinais regulares, no processo de eliminação e desintoxicação. Tem sido tradicionalmente usado nos tratamentos de Panchakarma (procedimento  de limpeza ayurvédica) para remover toxinas físicas e mentais profundas (ama).

É considerado um passo vital na fase preparatória (purvakarma) da limpeza, bem como durante a limpeza em si. Ao tomar o ghee em grandes doses antes da limpeza, ele “solta” as toxinas profundamente enraizadas dos tecidos, o que permite que elas sejam eliminadas por meio da purgação.

3 – Nutre e Protege o cérebro

O ghee é uma das fontes de gordura saturada mais saudável disponível. Isso vai ao encontro da necessidade da bainha de mielina, que reveste nossos neurônios, e é composta por gorduras saturadas.

O ghee é rico em colesterol, outro nutriente importante para o cérebro e matéria-prima para a produção da vitamina D.  Além disso, o colesterol é o precursor dos hormônios sexuais estrogênio, progesterona e testosterona – os quais contribuem para o funcionamento saudável do cérebro.

O ghee também contém ácidos graxos de colina e ômega-3, ambos nutrientes cerebrais incrivelmente importantes. A colina também age como um precursor de neurotransmissores essenciais, como a acetilcolina, que desempenha um papel importante na memória e na aprendizagem. Uma deficiência de colina pode resultar em baixa concentração, memória fraca, alterações de humor e outras deficiências cognitivas. Os ácidos graxos ômega-3 exercem vários papéis importantes na saúde do cérebro, desde o aumento da produção de neurotransmissores até a redução da inflamação, o aumento da massa cinzenta, a diminuição da taxa de envelhecimento e a melhoria da saúde cognitiva, memória e bem-estar geral.

4 – Melhora a digestão e o trato digestivo

O ghee é uma fonte rica em butirato (ácido butírico), um ácido graxo de cadeia curta que faz com que as células da parede intestinal proliferem, significando que ele essencialmente causa o crescimento e o reparo de novos tecidos no trato digestivo, restaurando um cólon saudável, acalmando e reduzindo a inflamação e curando feridas no revestimento do muco do estômago e intestinos. Por isso, pode ser um bom alimento preventivo para a proteção contra o câncer de cólon, a síndrome do intestino irritável, úlceras, colite ulcerativa e doença de Crohn, entre outras coisas.

O ácido butírico também equilibra e fortalece a flora intestinal (bactérias probióticas), é benéfico para reduzir crescimento da Candida e equilibra os níveis de ácido clorídrico no estômago, resultando na melhor absorção de nutrientes, o que traz um impacto para a saúde em geral. A manteiga clarificada também estimula e renova a produção de bílis no fígado, o que é importante para uma boa digestão.

O sistema nervoso entérico, conhecido como nosso “segundo cérebro”, está ligado ao nosso intestino. Mais de 90% da serotonina e cerca de 50% da dopamina em nosso organismo são produzidas no intestino, além da produção de outros 30 neurotransmissores usados pelo sistema nervoso central para regular o humor, os níveis de estresse, os padrões de sono, o funcionamento mental e outros processos corporais. Nesse contexto, o ghee também nutre, protege e fortalece o nosso “segundo cérebro”.

5 – Rico em vitaminas, minerais e nutrientes essenciais para a Saúde

Além do colesterol e dos ácidos graxos ômega 3 e ômega 6 já citados, o ghee contém:

Vitamina A
Está presente no ghee na forma de retinol, mais biocompatível para o corpo humano. A vitamina A é um antioxidante natural importante para os olhos, pele, cabelo e saúde imunológica, entre outras coisas.

Vitamina E
O ghee contém grandes quantidades de vitamina E, um dos antioxidantes mais poderosos e importantes no corpo humano.

Vitamina K2
Essencial para ossos e coração saudáveis, a vitamina K2 pode ser difícil de obter, já que é um tanto rara na maioria dos alimentos, mas o ghee é rico nela. Os níveis adequados de vitamina K2 ajudam a proteger contra a cárie dentária, suportam o crescimento e o desenvolvimento adequados dos ossos e protegem contra a calcificação das artérias, também conhecida como aterosclerose.

Ácido Linoleico Conjugado (CLA)
Estudos indicam que o CLA pode ajudar a reduzir tumores, baixar o colesterol e a pressão alta, reduzir a inflamação e queimar gordura corporal.

6 – Calmante e Nutritivo fisicamente, energeticamente e emocionalmente

Na medicina ayurvédica, o ghee é considerado um alimento tri-dosha, o que significa que restaura o equilíbrio e a harmonia e tende a acalmar (pacificar) todos os tipos de doshas (ou constituições). Para saber mais, clique no artigo Ayurveda, qual é o seu dosha?.

O ghee pode ser ingerido à noite, pouco antes de dormir, para ajudar a ter um sono agradável e profundo. Também é ótimo para equilibrar alimentos estimulantes, quentes e picantes, como pimentões, gengibre e alho.